Souvenirs tahitiens

Apesar de ser um cantinho pequeno do mundo, o Tahiti tem uns produtos BEM legais que são característicos da região. Claro que acabei comprando alguns (para mim e para minhas amigas).

Tem o monoi, que é óleo de coco com tiares (a flor nacional) maceradas. Esse óleo é usado para hidratar a pele e o cabelo. Enquanto o original tem cheiro de tiare (que é o cheiro de gardênia), existe algumas variações, tipo esse que comprei com essência de baunilha. Durante a viagem, todo dia de manhã passava esse óleo no cabelo e fazia uma trança. Aí a noite, lavava o cabelo para tirar o óleo. Não é que meu cabelo ficou lindo e super hidratado ao longo da viagem? (mesmo pegando bastante sol e nadando nas águas mega salgadas do Tahiti). Gostei tanto do monoi que acabei comprando mais dois vidrinhos para usar em casa. Tenho achado MUITO melhor do que Moroccan oil (sem falar que o cheiro é bem mais gostoso e o precinho foi muito mais em conta).

Na ilha de Moorea, visitamos a escola agrícola do Tahiti, e lá eles produzem geléias maravilhosas! Acabamos comprando essas duas: abacaxi com baunilha e abacaxi com coco. Elas são as MELHORES geléias que já provei na vida! Juro! Quero morrer afogada numa banheira dessas geléias. Maravilhosas! Já falei pro Thiago que não é para ele comer a geléia sem a minha presença (se não o potinho não vai durar nadinha…) e que é só para “ocasiões especiais.” 
A geléia de abacaxi com baunilha é tão gostosa que já até encontrei no Google uma receita para ver se consigo replicá-la, pois me arrependi profundamente de só ter comprado um potinho de cada… 
Tão vendo esses pontinhos pretos na geléia? São as sementes da fava de baunilha. Delícia!!!

Em geral, o café no Tahiti não é lá muito saboroso (na verdade, é bem ruinzinho…) Tinha até resolvido que não iria mais beber café durante a viagem (coisa que para mim, é uma decisão seríssima!) de tão ruim que tinha achado, quando descobri o café com baunilha. Eu já gosto de café aromatizado e o café com aroma de baunilha do Tahiti é uma delícia!

Bem, como vocês podem ter percebido, quase tudo no Tahiti tem baunilha. Isso é porque o Tahiti é um dos grandes produtores de baunilha do mundo. Logo, não podia deixar de falar sobre a baunilha local. Então, agora, com vocês, as famosas favas de baunilha do Tahiti. 
Essas daqui eu comprei numa feirinha em Taha’a, a ilha da baunilha. Para quem gosta de cozinhar, favas de baunilha do Tahiti são um presente e tanto! Elas são super suculentas e cheias de sementes. Até comprei algumas para dar de lembrancinha para minhas amigas chefs. Já separei umas 3-4 favas para fazer extrato de baunilha caseiro e o resto devo usar para crème brûlée ou então até mesmo para imitar a geléia de abacaxi com baunilha. Yummy!
Essa daqui é a versão mais bonitinha que comprei para dar de presente para algumas amigas.
Bem, além dos produtos acima, o Tahiti tem mais dois produtos que os turistas curtem: as “pareus” (vulgo: cangas) e as famosas pérolas. Se ainda morasse no Brasil, com certeza teria comprado uma canga para mim, mas na terra do Tio Sam, raramente tenho oportunidade de ir à praia, então acabei comprando só uma canga para minha mãe. 
Detalhe da canga. Achei esse design bem bonito.
Já as pérolas, bem, aí já é outra história…Em qualquer fim de mundo que você vá no Tahiti, sempre tem alguma tenda vendendo pérolas negras. Você as encontra por todos os preços, desde as mais baratinhas por uns US$30 até as mais chiques e caras. E também tem vários produtos de madre-pérolas (que são bem mais em conta). O legal das pérolas do Tahiti é que elas têm VÁRIAS cores diferentes. As que mais gostei foram as eggplants (bem roxinhas) e as peacock-aubergine (um violeta meio esverdeado). Uma coisa que aprendi é a seguinte: pérola, a gente só compra experimentando, pois na hora que você coloca o brinco/colar/pérola contra a sua pele, aí que você realmente vê como a tonalidade da pérola fica. Em mim, as pérolas roxinhas ficaram muito mais bonitas do que as outras 🙂
São lindas, né?
Ah, fica a dica: no Tahiti, a venda de pérolas tem um imposto de quase 20%, mas se você for turista, você não paga o imposto. É só declarar a compra na saída do país no aeroporto, que você é reembolsado esse valor. Ou seja, se você for ao Tahiti e comprar pérolas (mesmo as baratinhas), sempre peça o formulário duty-free, para declarar a compra no aeroporto na saída.

7 comentários sobre “Souvenirs tahitiens

  1. Oi Helen, quanto tempo!!
    Pra começar: ai que invejaaa!!! Mas inveja branca, tá?!rsrs.. Sou doida pra conhecer o Tahiti e agora mais ainda por saber que é a terra da baunilha, eu amo baunilha!!!
    As fotos com os golfinhos são as mais lindas e mais fofas! Achei engraçadíssimo o seu lado Felícia! hauahuahua…
    Beijão!

    Curtir

  2. Hellen, o oléo deve ser bom heim! Seu cabelo tava lindo nas fotos, superbrilhante. Pena que não tem para vender por aqui né?

    Abacaxi com coco tb me trazem senação de férias srsr, mas tá explicado ai sua geléia rsrs

    bjo

    Curtir

  3. Adorei saber desse oleo pra hidratar cabelo, parece ser mesmo maravilhoso. A geleia deu agua na boca, e as perolas encantaram, resumindo tudo essas coisinhas que voce trouxe de la sao maravilhosas…rs
    Beijinhos

    Curtir

  4. Ando meio vidrada em pérolas, viu? Pena que tem toda aquela história de que não dar sorte usar no casamento… =/

    Você também tem mania de passear nos supermercados [além dos mercados “populares”] quando viaja? =)

    Beijos!!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s