Cirque du Soleil: Totem

Eu ADORO o Cirque du Soleil! Sou completamente apaixonada por todos os shows, e sempre topo de assistir mais um, mesmo já tendo assistido sete. Infelizmente, não ia a um show desde 2010, quando assisti OVO, e já estava . Aí, quando descobri que, no fim de semana do meu aniversário, estaria passando um Cirque du Soleil (inédito para mim!) aqui em DC, não resisti e comprei ingressos (meu presente para mim mesma 🙂

Então neste sábado, Thiago e eu nos arrumamos, marcamos um jantar gostosinho em um restaurante de frutos do mar a beira d’água, e depois fomos assistir um espetáculo!

Totem conta a história da jornada da vida desde seu estado anfíbio até o desejo de voar. Os personagens e as performances evoluem em um palco que simboliza uma tartaruga gigante, símbolo de várias civilizações antigas. O show foi bem divertido, porém diria que, no ranking dos shows que já assisti, esse fica no bottom 3, com Varekai e Saltimbanco. O tema não ficou muito claro para mim (tanto que tive que procurar info sobre o show depois, pois na hora não fez muito sentido…) e o espetáculo pareceu meio sem pé nem cabeça. Claro que, como todo Cirque du Soleil, teve momentos de tirar o folego, de apertar a mão do marido de tanto nervoso (e do Thiago repetir rapidamente “Car*lho, car*alho…,” culminando em um “P**a que pariu! Isso é muito f**a!”) Porém, para ser sincera, não foi um dos meus favoritos. Mas, como sempre, nos divertimos bastante (e ficamos impressionados com os artistas!)

Aqui um pequeno trailer do show: 

Com o grand chapiteau no fundo, durante o intervalo. Uma das coisas que achei bem bacana dessa vez é que o Cirque du Soleil não vende mais água em garrafinha descartável; vende somente água dentro de uma garrafinha de metal reciclado do próprio Cirque (que, obviamente, é re-usável, apesar de ser mais cara). Achei essa iniciativa super legal! (e lá dentro, tinha vários bebedouros para vc encher a garrafinha, caso quisesse mais água, “de graça”).

Esse era o palco (no intervalo). Durante o espetáculo, essa armação toda levantava. 
Uma das performances que mais gostei do show foi a de patinação (a partir de 1:39 no vídeo abaixo). Achei show!
Outra que adorei foi a das irmãs gêmeas que conseguem girar um tapete com as pontinhas dos pés e das mãos. É impressionante!!!
Outra que achei o máximo foi o show nas barras russas. Não achei um vídeo, mas aqui uma foto tirada do Flickr do TBWABusted.

Um comentário sobre “Cirque du Soleil: Totem

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s