Week 36: Cub = Alface Romana

Uma das coisas que mais amo dos EUA é que aqui, tudo é bem mais prático e eficiente! O approach DIY (“do-it-yourself”) faz parte da cultura do americano, então grande parte dos produtos são feitos levando em consideração o tempo gasto com tarefas chatas. Por exemplo, para que ficar esfregando os azulejos do chuveiro, se é possível somente borrifar um produto e deixar tudo limpinho? Para que ficar passando roupa (ODEIO!!!), se existe tecido “non-iron” que sai da máquina de secar já esticadinho? E para que gastar tempo lavando verduras, se você já pode comprá-las limpinhas, cortadinhas, em um saquinho já pronto para o consumo?! 
Até semana passada, era SUPER fã das hortaliças orgânicas que já vêm em saquinhos, prontas para serem consumidas! Se tivesse que ficar limpando alface, cortando folha por folha, NUNCA comeria espinafre, alface, rúcula, couve, etc… Porém, a grande vantagem das hortaliças práticas criou um problema: na semana 36, Cub está do tamanho de uma alface romana. Agora me diz se encontrei alface romana “en natura” por essas bandas?! 
Só encontrei assim:
Isso tudo para falar que a foto da semana 36 foi sem a verdura/legume/fruta! 
Mas vamos lá…a semana 36 foi BEM busy! 
Finalmente arrumamos a casa (ou algumas partes…) 
Cub ganhou seu “spot” na sala (aqui em casa, cada um tem seu spot, que nem o Sheldon)
 Montamos o co-sleeper no nosso quarto. 
O único problema é que ele não cabe do meu lado da cama, aonde está minha penteadeira. Vamos tentar mudar de lado (aí, será que consigo dormir do lado direito e marido consegue dormir do lado esquerdo?!)

Colocamos o trocador no nosso quarto (ficamos MEGA felizes que a TV não precisou mudar de lugar kkkkk) 
E liberamos duas gavetas no gaveteiro do nosso quarto para as fraldas e roupas do Cub. 
Sim, nós vamos usar fraldas de pano ao invés das descartáveis…mais sobre isso depois.
As roupas de tamanho recém-nascido e os cueiros para fazer “baby burrito” couberam direitinho em uma gaveta só 🙂
AMEI o design desses cueiros. O de passarinho e de girafinha é da Aden & Anais e o do “It’s a Small World” é da SwaddleDesigns
Além disso, ganhamos de presente da minha irmã e do meu cunhado o carrinho para o Cub, com todos os acessórios (capa de chuva, adaptador para bebê conforto, etc)
Marido resolveu testar o carrinho (na verdade, a Poly é nosso porquinho da índia…ela testa tudo!)
Esse carrinho é o City Mini da Baby Jogger, que é um dos carrinhos mais vendidos aqui nos EUA. 
Ele fecha com uma mão só (!!), pesa só 7 quilos (!!!), tem um precinho bom e é o que você mais vê nos centros urbanos americanos.
Aproveitamos o embalo de arrumar a casa e também instalamos a cadeirinha (bebê conforto) no carro. Não sei como funciona no Brasil, mas aqui nos EUA, você SÓ sai do hospital com o bebê se tiver a cadeirinha no carro (é lei!) Como tivemos a brilhante idéia de instalar a cadeirinha às 10 da noite, não tirei fotos, mas a cadeirinha é essa aqui da Britax:
Marido queria deixar a cadeirinha já instalada no carro, mas eu não estou pronta psicologicamente para isso não (É muito estranho sair dirigindo por aí com um cadeirinha no carro…) Ou seja, por enquanto, a base já está no banco de trás do carro, devidamente instalada e presa, mas a cadeirinha está aqui em casa, no escritório/nursery. 
Também começamos a arrumar a mala para o hospital, mas descobrimos que ainda precisamos comprar algumas coisinhas. Aí marido fez essa listinha básica do que falta para não esquecermos (ver item 5…esculhambou, né?!)
Calcinha de velha corococó é bullying comigo… 
E para finalizar, uma foto fofa da Poly dizendo bom dia pro Cub 🙂

7 comentários sobre “Week 36: Cub = Alface Romana

  1. Peraí…tem um berço, um berço de quarto e outro na sala? Ai, complicado demais bebÊ! hahaha Qual a diferença deles? Algum é um moises? Eu acho bonitinho uns moises de vime, mas não devem ser nada confortáveis ne rs Viu que eu entendo pra caramba de bebê/enxoval, né? hahahaha 'Jackie, qual carrinho vc quer?” “- o amarelo”. hahahahaha
    beijos!

    Curtir

  2. hahaha O da sala é um balancinho. TODAS minhas amigas daqui recomendaram especificamente ESSE balanço! (não pode ser outra marca, não pode ser a versão “de menina,” tem que ser ESSE!) Aparentemente ele tem poderes mágicos para colocar bebês para dormir quando você está desesperada e precisa dos seus braços de volta kkkkkk

    Já o bercinho no nosso quarto é como se fosse um moises, só que com rodinha. O “plano” é para o utilizarmos somente nas primeiras 6-8 semanas. Ele é um co-sleeper, então você pode regular a altura (deixando-o mais baixo) e colocando-o da altura da sua cama. Aí vc tira uma das laterais e vira uma “extensão” da sua cama, assim fazendo “cama compartilhada,” mas ainda com “cada um no seu quadrado.” Maaaaas, como temos um serzinho peludinho de 4 patas que gosta de dormir no aconchego quentinho do nosso edredon, achamos melhor não fazermos cama compartilhada (eu sei que a Poly é “só” um cachorrinho, mas ela tem tantas mudanças pela frente, que não quero adicionar mais uma ao ter que expulsá-la da cama…ou seja, Cub que me perdoe, mas a Poly chegou primeiro e a cama compartilhada é com ela kkkkkk) Enfim, podíamos comprar um moises de vime, mas aí não teria aonde colocá-lo (já que não temos mesa de cabeceira e não rola ficar no chão, por motivos óbvios caninos) Resultado: para não ter que ficar levantando no meio da noite para andar até o escritório nas primeiras semanas (e como o berço “de verdade” não cabe no nosso quarto), compramos esse bercinho para os primeiros meses. Ele é mega portátil (tem rodinhas), é pequenininho e foi bem barato.
    Aí, o berço “de verdade” ainda continua no escritório/nursery, e o “plano” é transferirmos Cub para seu quarto oficial a partir do 2o-3o mês de vida…mas, isso depende, né? Até lá, vamos usando o berço como “jaula para tralhas que não sabemos aonde colocar” kkkkk
    Beijinhos!

    Curtir

  3. Aqui em casa cada um também tem seu spot. Essa base da cadeirinha é ótima e super prática, esse negócio de ficar prendendo com o cinto toda vez é um saco. Até hoje tô usando as calcinhas de velha coroca que levei pra maternida, elas são tão confortáveis e deixam a pança molenga mais confortável. Minha médica diz que não se deve usar cinta pra obrigar os músculos a trabalharem e voltarem ao normal, então pra diminuir o efeito geleca eu continuo usando as super sexy #SQN. hahahah beijocas

    Curtir

  4. A Poly no carrinho, que lindinha, haha! Estou super interessada num post sobre as fraldas de pano porque também estamos considerando essa opção. Nem falo isso pra muita gente porque ficam todos me olhando com cara de “vc está maluca!”.

    Beijos

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s